sábado, 28 de setembro de 2013

ESPAÇO DA POETISA SILMARA FEITOSA


'Não fica triste por teres um filho com deficiência, o aceite com todas as suas limitações, olhe para você, faça uma autoavaliação das suas potencialidades, habilidades e descubra as suas dificuldades e as denomine como deficiências. Então irá perceber que somos todos iguais nas diferenças'.
(SILMARA FEITOSA)