quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

APÓS 1 ANO DE NEGOCIAÇÃO, ELIANA ENTREVISTA NAMORADA "SECRETA" DE SENNA


O programa “Eliana” deste domingo (18) traz um furo de reportagem. Revelará uma história de amor quase desconhecida de Ayrton Senna do público: um romance que ele manteve nos anos 80 com uma empresária, herdeira do fundador das duchas Corona.
Seu nome, por coincidência, também é Adriane, mas o sobrenome é outro.
Adriane Yamin, hoje com 47 anos, decidiu falar pela primeira vez sobre o relacionamento de quatro anos que manteve com o tricampeão de Fórmula 1.
A negociação para a reportagem levou mais de um ano e a família de Senna não só confirmou o relacionamento como também colaborou, cedendo imagens inéditas do casal ao programa do SBT.
“Cansei de ouvir minha história sendo contada por outras pessoas e é hora de eu mesma dizer o que vivi com ele”, afirmou Adriane à apresentadora Eliana Michaelichen.
A empresária também revelou a Eliana o porquê de ter mantido o relacionamento com Senna longe dos holofotes.
Adriane Yamin ainda mantém consigo cartas de amor escritas pelo piloto, que morreu em acidente em maio de 1994, em Ímola, Itália.
Ambos namoraram entre 1985 e 1988. Ela presenciou a primeira vitória dele no GP de Portugal (em 85), por exemplo, e o primeiro dos três prêmios mundiais (88).
A família de Ayrton Senna confirmou o relacionamento do casal ao programa do SBT e colaborou cedendo imagens exclusivas do piloto com Adriane Yamin.
Por meio de sua assessoria, a família de Ayrton Senna confirmou ao UOL no mês passado que um longa-metragem de ficção abordando a história do piloto será lançado em 2019, quando se completam 25 anos da morte do tricampeão.
Nos últimos anos, a família de Senna recebeu várias propostas para filmes sobre o piloto, mas nunca aceitou.
Fonte: UOL TV e Famosos