sábado, 15 de abril de 2017

EX-MENUDO ROY CONFESSA A ROBERTO CABRINI QUE TENTOU SE SUICIDAR


O ex-Menudo Roy Rosselló relembra, em entrevista para Roberto Cabrini, no "Conexão Repórter", o abuso sexual que afirma ter sofrido quando fazia parte da banda. O ex-músico conta em detalhes o sofrimento e diz, ainda, que sofreu violência física por parte de seu antigo empresário.

A agressão mais traumática, afirma, aconteceu durante a primeira turnê da banda Menudo, que aconteceu em Copacabana, no Rio.

"Eu saí com algumas meninas e, quando cheguei no hotel, Edgardo [seu antigo empresário] estava na recepção. Me puxou pelo cabelo, pelo Copacabana Palace, pela recepção toda me batendo, me chutando, me maltratando", diz.

Roy conta que passou a "pior noite" de sua vida com o empresário: "Ele simplesmente falou 'tira e roupa e vai tomar um banho que eu quero ver você pelado'. Eu tomei banho, saí de toalha, ele falou 'eu quero te ver, eu quero te ver completo, eu quero ver seu corpo, eu quero ver seus partes íntimas', direto assim, 'vem cá, deita na minha cama'. (se emociona) Aí, ele me estuprou praticamente".

O ex-Menudo afirma que não houve consentimento da parte dele e, muito emocionado, chora ao falar do pesadelo que afirma ter vivido. Ele diz que foi abusado durante três anos, todo tempo que integrou a banda.

O desespero de Roy chegou ponto que ele cogitou tirar a própria vida. "Em Porto Rico, eu tentei me matar. Fui nas pedras, um lugar muito perigoso, muita gente tinha morrido lá", diz. Ele ainda conta que tentou cometer suicídio em outras ocasiões. "Uma vez em Porto Rico também, me joguei na avenida, pra um carro passar em cima de mim. E na Bahia também, quando fui acusado de ter maltratado uma mulher", se recorda.

Roy Rosselló, que participou de "A Fazenda", em 2014, falou pela primeira vez sobre o abuso que sofreu no reality da Record. Na época, o empresário enviou nota à emissora negando as acusações.

A entrevista de Roy com Roberto Cabrini vai ao ar no domingo (16) no SBT.

Fonte: SBT